04/10/2017

testei: perfume sex symbol the superstar by sabrina sato e sex symbol the rebel by ricardo barbato


Sedução pouca é bobagem quando se trata de lançar dois perfumes que têm, simplesmente, Sabrina Sato e Ricardo Barbato como embaixadores, respectivamente da versão feminina e masculina, do desodorante colônia Sex Symbol, denominados Sex Symbol The Superstar e Sex Symbol The Rebel.



Apresentados há algumas semanas, esses perfumes foram inspirados pelo seguinte conceito:

Não importa o que digam deles, o que importa é o que eles sentem, o desejo que provocam e sua capacidade para acender os instintos mais básicos de qualquer um. Eles têm a única coisa que o dinheiro não pode comprar: o poder de atração de um verdadeiro Sex Symbol.



Acho que, depois de ler essa descrição acima, dá pra imaginar que estes não são perfumes suaves e levinhos, né?



Pois então, começando pela versão da qual Sabrina Sato é embaixadora, a fragrância feminina Sex Symbol The Superstar é extremamente profunda, intensa e, em minha opinião, atalcada, com notas doces e abaunilhadas. É aquele tipo de perfume que, com poucas borrifadas, ele já consegue ser beeem percebido, evoluindo bem e durando muito, mas muito tempo mesmo na pele - em mim, por mais de 6 horas



Sem dúvida, é o tipo de fragrância para quem gosta de causar impacto, marcar presença e ser notada e, evidentemente, tem de combinar muito com a personalidade de quem a usa, pois para pessoas mais tímidas ou discretas, acredito que seja o tipo de perfume que pode chegar até a incomodar, se aplicado abundantemente - ou então, quem sabe, pode ser aquela força que os mais tímidos precisam para encarar os "desafios e provações" da vida, hehe! #EuPsicóloga

Eu, particularmente, posso dizer que amei muito este perfume, num grau que parece chegar a viciar - no bom sentido, hein, gente! -, tanto que quero usá-lo todos os dias, de tão harmoniosa me pareceu sua composição. Já que falei em composição, olha só o caminho olfativo de Sex Symbol The Superstar, o feminino:

NOTAS DE SAÍDA: bergamota, tangerina; NOTAS DE CORAÇÃO: ciclâmen, lírio; NOTAS DE FUNDO: baunilha, fava tonka.

Sex Symbol the Superstar concentra todas as atenções com sua nota de saída de bergamota refrescada pela tangerina. Em seu coração, a combinação de ciclâmen e lírio revela o lado mais feminino dessa fragrância, que se transforma em um aroma absolutamente sedutor em sua base de baunilha e fava tonka.

Um ponto que vale a pena prestar atenção é na aplicação, já que com apenas algumas borrifadas, você já consegue deixar o corpo bem perfumado. Um tiquinho em excesso, pode deixar o conjunto pesado demais. Então, use com moderação... mas ao seu gosto! hehehe!



Em relação à embalagem, acho que ela segue as apostas de design de muitos lançamentos atuais, com linhas simples, retas, minimalistas e um pouco de cor e brilho aqui e ali, naquele bom e velho caminho iniciado pelo nosso querido Chanel no. 5.





Apesar de a gente não falar tanto assim de perfumes masculinos por aqui, quando eles conseguem captar minha atenção, é quase irresistível não falar a respeito, especialmente quando contêm especiarias como o Sex Symbol The Rebel



Aliás, olha só o caminho olfativo:

NOTAS DE SAÍDA: toranja, acorde de ozônio; NOTAS DE CORAÇÃO: canela, pimenta do reino; NOTAS DE FUNDO: patchuli e madeira de sândalo.

Sex Symbol the Rebel mostra seu lado mais maroto desde o primeiro momento. O frescor da toranja junto com o acorde de ozônio apresenta o espírito rebelde desse aroma com uma sedutora nota de coração temperada. Uma base de patchuli e madeira muito masculina nos conquista como só mesmo sabe fazer um verdadeiro sex symbol.



Assim como acontece com o feminino, Sex Symbol The Rebel é um perfume impactante e completamente intenso, refrescante na medida e poderoso por inteiro. Pra mim, é a tradução do estilo bad boy que a gente adora!

Juro que na aplicação, com a explosão das notas de saída, e até uma hora depois, esse perfume me lembrou muito a fragrância Acqua di Giò, Armani, que, acredite, usei por muito tempo, nos dias mais quentes do verão... porque, sim, há fragrâncias masculinas que me conquistam e que, muitas vezes, ganham meu coração. #NoGender



Aproveitando, não sei se você sabe, mas há perfumes que entram na categoria de compartilháveis e, portanto, podem agradar tanto a homens como mulheres e, para mim, sem dúvida, Sex Symbol The Rebel entra nessa classificação. Neste post do blog Odorata (aqui: http://odorataparfums.blogspot.com.br/2014/09/compartilhaveis-eu-uso-tu-usas-ele-usa.html), você encontra uma explicação muito boa sobre os Compartilháveis.

Resumindo, é uma dupla de fragrâncias que chegou com muita força, são deliciosos de usar e de sentir e têm embalagens minimalistas sofisticadas, que combinam super com meu estilo e com meu jeito de ser.



Atualmente, são boas opções no mercado brasileiro e, inclusive, são fragrâncias amigas do bolso, já que cada uma sai por R$ 59,90 (preço sugerido, frasco de 100 ml).

Mas, agora, me conta: você se identifica com perfumes assim, impactantes e intensos? Conta aí nos comentários? Eu adoro saber!

Para saber tudo:
SAC 0800 704 3440

[©Conteúdo protegido por direitos autorais. Texto e imagens produzidos pelo O Avesso da Moda. Todos os direitos reservados.]

3 comentários:

  1. Mayara Cristina4/10/17

    Não sabia isso de compartilhaveis adorei só voces mesmo pra explica

    ResponderExcluir
  2. Betania Nunes4/10/17

    Tava doida pra saber se esse da Sabrina era bom e o preço e otimo

    ResponderExcluir
  3. gentem é maravilhoso e barato

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...